Regional Telhas

4 erros na manutenção de telhados que você não pode cometer

erros na manutenção de telhados
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Você sabia que a manutenção de telhados é um processo fundamental para assegurar a integridade das edificações. Uma cobertura exerce um papel muito importante em um projeto: a proteção dos ambientes internos e dos seus usuários. Nesse sentido, saber como cuidar da sua estrutura é essencial para evitar vazamentos, goteiras e outros problemas que podem trazer prejuízos significativos.

Ao realizar uma inspeção na cobertura de uma edificação, é possível avaliar a situação do telhado e realizar as manutenções necessárias para evitar danos e problemas posteriores. O ideal é que esse processo seja realizado ao menos uma vez por ano para garantir a eficiência da construção.

Portanto, separamos, neste texto, 4 erros na manutenção de telhados para você assegurar a eficiência de sua cobertura. Confira!

1. Não programar as manutenções

Como pode ver, a falta de uma manutenção periódica em seu telhado pode trazer uma série de dores de cabeça. Por isso, é fundamental planejar corretamente a inspeção de sua cobertura para assegurar a eficiência da sua estrutura sem comprometer o seu orçamento e o andamento do projeto.

Ao programar as suas manutenções, você terá como nortear melhor a inspeção do seu telhado e planejar os reparos necessários. Para desenvolver um bom planejamento, você deve considerar épocas de chuva para evitar atrasos e possíveis problemas causados pela água.

2. Ignorar as fixações

Um dos erros na manutenção de telhados mais comuns que você não deve cometer está diretamente relacionado às fixações das telhas. Elas são peças fundamentais para evitar com que elas se movam ou se soltem devido à ação do vento.

Ao realizar uma inspeção na sua cobertura, é necessário verificar se as fixações estão firmes, já que o tempo pode fazer com que elas afrouxem ou percam um pouco de sua vedação.

3. Não seguir as recomendações

Há quem acredite que utilizar meios alternativos para construir um telhado pode ser uma boa prática. Porém, a realidade é que essas formas diferenciadas podem ser totalmente prejudiciais para a eficiência de sua cobertura.

Portanto, é necessário fugir das famosas “gambiarras” e seguir as recomendações de instalação do fornecedor. Dessa forma, você terá a garantia de que o seu telhado proporcionará uma segurança eficiente a contra intempéries e providenciará conforto aos ambientes internos.

4. Não planejar corretamente a estrutura do telhado

A falta de um bom planejamento na construção de uma cobertura pode trazer alguns riscos à estrutura do seu telhado, como a ocorrência de infiltrações. Por isso, a impermeabilização é uma técnica que consiste na aplicação de determinados produtos para isolar os materiais da edificação da passagem de água.

Sua ausência pode comprometer a durabilidade do telhado e, consequentemente, impactando diretamente no seu orçamento — já que exigirá gastos com manutenções para consertar os danos. Além da impermeabilização, é preciso planejar corretamente a drenagem para evitar que a água fique empoçada e evitar infiltrações.

Pronto! Ao evitar os principais erros na manutenção de telhados, é possível assegurar a integridade dos ambientes internos nas edificações com eficiência. Ainda que seja possível realizar esse processo por conta própria, contar com uma equipe especializada é sempre a melhor alternativa. Assim, você terá a garantia de um trabalho bem feito sem a ocorrência de falhas que podem comprometer a edificação.

Gostou de nossas dicas? Aproveite para deixar um comentário dizendo o que você achou deste texto!

EBOOK

Tipos de telha:

conheça os principais e saiba quando usá-los

Faça o download grátis no botão abaixo.