fbpx
engenheiros falando sobre novidades na construção civil

O ano de 2019 começou e chegou a hora de conhecer as novidades na construção civil que devem movimentar o mercado. Sair na frente neste setor é fundamental para se antecipar à concorrência, oferecer mais e melhores opções para os seus clientes e virar referência quando o assunto for inovação.

Entre os itens que devem chamar mais atenção no mercado estão as impressões 3D, o uso de drones, estruturas pré-fabricadas, investimento na IoT (Internet das Coisas) e muito mais.

Preparado para conhecer cada lançamento desses? Então continue lendo nosso artigo e comece um 2019 muito mais feliz na construção civil!

1. Impressão 3D

As impressoras 3D invadiram vários setores da indústria e, na construção civil, não ia ser diferente. Inicialmente, elas eram usadas para criar modelos plásticos básicos, mas agora já constroem casas de concreto na China e na Holanda.

Inicialmente, a tecnologia ainda representa um alto custo, mas deve baratear à medida que for se popularizando. E isso não deve demorar, já que a tecnologia possibilita um menor desperdício de material — o que representa também um ganho para o meio ambiente —, estruturas mais finas e precisas, e o consequente barateamento do custo final da obra.

O funcionamento da impressora 3D na construção civil se dá na mesma lógica de uma impressora de computador: você “programa” a impressão de um desenho ou modelo e, no lugar de imprimir em um papel, a estrutura “imprime” o desenho em concreto e em três dimensões.

2. Drones, como uma das grandes novidades na construção civil

Se, há algum tempo, os drones eram vistos apenas como brinquedinhos, agora eles são grandes aliados de um canteiro de obra. Ou melhor, até mesmo antes da obra começar, já que esse tipo de veículo aéreo consegue fazer o levantamento topográfico de um terreno rapidamente e fornecer informações para construção.

São bastante usados também para fazer a agrimensura de área (qualquer tipo, inclusive em terrenos mais acidentados). Um trabalho que antes poderia levar semanas ou meses, com esse tipo de equipamento, é simplificado para minutos. Ou seja, mais rapidez e menos custos com a obra. ​

3. Estruturas pré-fabricadas

As estruturas pré-fabricadas e modulares continuarão em alta em 2019. Isso porque o mercado continua investindo na lógica de otimizar processos e acelerar as etapas da construção. Para quê construir da base, se você pode ganhar na economia de tempo e dinheiro usando uma estrutura pré-fabricada?

Casas modulares, por exemplo, podem ser transportadas para um novo terreno ou cidade. É o futuro chegando no canteiro de obras.

4. Mais projetos verdes na construção

A palavra da moda no mundo e também na construção civil é sustentabilidade. Ela abrange desde a preocupação com o meio ambiente até a economia de matéria-prima e menor valor da obra final. Ou seja, ganha você e o planeta.

Na construção, a onda eco-friendly manifesta-se em projetos que se importam cada vez mais com a natureza, em reaproveitamento de materiais (reciclagem), conservação de energia e uso de energia limpa e cálculos cada vez mais precisos para se evitar o desperdício de material.

5. IoT

Não ligou a sigla ao seu significado? A gente explica para você! Trata-se da Internet das Coisas, ou Internet of Things, em inglês. Ela diz respeito ao uso da tecnologia, da internet, para rastrear equipamentos e funcionários, condução de drones, coleta de dados e acompanhamento de informações do canteiro de obra em tempo real. Não pode visitar a obra? Ela vai até você!

O aprimoramento de uso é juntar a IoT com o Business Intelligence. Ou seja, usar os dados recolhidos pela primeira para melhor tomada de decisões na segunda.

6. Realidade aumentada

Se você já tinha ouvido falar em realidade virtual aplicada à construção civil, então se acostume com a lógica da realidade aumentada. Trata-se da capacidade de visualizar o mundo real pela lente de uma câmera de forma ampliada.

A técnica vai revolucionar o modo de projetar e construir daqui para frente. E, novamente, evitar muitos erros e desperdícios, já que o construtor vai visualizar com detalhes seu empreendimento antes mesmo de ficar pronto.

7. Tecnologia Bim

Trata-se da Building Information Modeling, ou Modelagem de Informação da Construção, que já é usada no setor e une informações e detalhes de vários projetos para criar um modelo 3D da obra. É a união da tecnologia dos softwares com a gestão da informação eficiente.

Esse protótipo ajuda na compatibilização de projetos, reduz erros, antecipa problemas e facilita o planejamento da parte elétrica e hidráulica que dividem o mesmo espaço, por exemplo. Com a modelagem 3D, basta visualizar o problema e pensar na solução na fase de concepção, e não durante a obra.

A expectativa é que em 2019 novas opções de gerenciamento de construção surjam no mercado e ajudem os construtores a organizar melhor suas obras.

8. Monitoramento do canteiro e segurança do trabalho

Inovação e tecnologia devem ser ferramentas capazes de dar suporte e segurança para quem trabalha na obra. Um desses recursos são os simuladores de realidade virtual. Eles podem ajudar os trabalhadores a fazer um treinamento com equipamentos pesados e perigosos sem colocar ninguém em risco.

Tem também uma série de softwares de segurança, que fazem inspeções e auditorias com esse foco, tornando-se responsáveis por detectar possíveis problemas no local e enviar alertas em casos de emergência.

9. Robótica

Outra forte tendência do setor é a robótica, ou o uso de robôs para atividades operacionais. A ideia é que cada vez mais eles meçam espaços, posicionem tijolos, transportem equipamentos, descarreguem materiais e realizem atividades de risco.

No futuro, há ainda a possibilidade de se substituir a mão de obra por esse tipo de “funcionário”.

Como vimos, algumas tecnologias já estão em uso e devem ser aprimoradas — como a dos drones —, outras estão chegando ao mercado em 2019 — como a IoT —, e algumas ainda estão em desenvolvimento para breve.

Mas se você é antenado com este mercado, deve ficar por dentro das novidades na construção civil para entregar primeiro esses valores para os seus clientes e se tornar cada vez mais competitivo.

Agora que você já sabe tudo sobre as tendências para o mercado da construção civil em 2019, que tal conhecer mais sobre a tecnologia BIM em obras?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This