fbpx
grupo de engenheiros reunidos em uma obra

O engenheiro de compras é uma profissão relativamente nova no mercado. Ela surgiu da necessidade de as empresas elaborarem e monitorarem melhor os seus processos de aquisição de insumos e serviços. Afinal, a grande concorrência do mercado globalizado demanda que as empresas apresentem produtos a preços mais competitivos para conquistar seus clientes.

No entanto, isso potencialmente pode gerar uma queda na receita ou uma diminuição da capacidade de investimento. Assim, os gestores começaram a perceber a necessidade de aumentar os lucros pela via da redução de custos em vez de sacrificar o consumidor com um preço elevado. Nesse contexto, surgiu a necessidade de um engenheiro de compras. Quer saber mais? Acompanhe!

O que é um engenheiro de compras?

Ele é um profissional capaz de auxiliar na redução dos custos das matérias-primas e dos serviços terceirizados, além da elaboração de processos de cadeia de suprimentos mais eficientes. Esse é o grande objetivo de um engenheiro de compras.

A profissão, em si, tem vários níveis. Você começará como um assistente de compras, um cargo ocupado por estagiários e trainees que pretendem fazer carreira no setor. Em geral, não há um curso de graduação tecnológica específica para a engenharia de compras. Estudantes de várias outras áreas, como engenharia de produção e administração, podem trilhar esse caminho.

Como assistentes, eles vão ficar constantemente supervisionados por gestores do setor para aprender, na prática, grande parte das técnicas. Após se formar e iniciar um curso de pós-graduação em engenharia de compras, o profissional poderá almejar o próximo passo da carreira, o comprador júnior.

Apesar de ainda precisar da supervisão de outros colegas, ele já tem uma autonomia maior e uma capacidade de tomar decisões por conta própria. Nesse nível, eles ficam responsáveis pelas pesquisas de fornecedores, contatos operacionais, tarefas burocráticas etc. No entanto, ainda não podem tomar decisões que influenciem as operações ou a gestão da empresa.

Essas tarefas são para o próximo degrau da profissão, o comprador pleno. Em média, eles já contam com quatro anos de experiência no setor e podem se envolver com todas as negociações, até as mais complexas. Geralmente, têm a autorização de aprovar as compras cotidianas sem precisar submeter suas decisões aos superiores hierárquicos.

Tudo isso é feito sem nenhum tipo de supervisão, pois ele já é considerado um profissional completo. Ele também é responsável por tomar as decisões que impactem o plano estratégico da empresa e, até mesmo, modificá-lo.

Por fim, no topo da carreira, está o comprador sênior. Sua principal missão é a elaboração de todo o planejamento de compras de uma empresa, o monitoramento dos resultados e o contato com os principais parceiros do negócio. Ele é considerado o líder do departamento de compras e conhece praticamente todas as técnicas.

Como se tornar um engenheiro de compras?

Para se tornar um engenheiro de compras, não é preciso ter uma graduação específica. No entanto, o ideal é que você tenha um título na área de gestão e administração, como:

  • tecnólogo em logística;
  • tecnólogo em gestão financeira;
  • engenheiro de produção;
  • engenharia civil;
  • administrador;
  • contador etc.

Desse modo, você já terá familiaridade com várias ferramentas utilizadas para a gestão de compras. Na verdade, o mais importante passo na sua formação será a pós-graduação, na qual você se especializará em engenharia de compras.

Quais são as suas principais atribuições?

Elabora o plano estratégico de compras

Uma das primeiras tarefas de um engenheiro de compras é a elaboração do plano de compras. Para isso, ele analisa os objetivos comerciais da empresa e pensa como os processos de compras podem ajudar a alcançá-los.

Por exemplo, se uma das metas for “apresentar os melhores produtos no mercado para o público da classe A”, o foco do gestor de compras será procurar os fornecedores mais renomados do mercado, mesmo que eles vendam as matérias-primas mais caras. Ele deverá avaliar presencialmente cada insumo e realizar pequenos testes de qualidade até encontrar aquele que satisfaça as demandas do seu público.

Por outro lado, o objetivo comercial pode ser ter “o preço mais competitivo entre os concorrentes”. Desse modo, ele deve fazer uma ampla pesquisa de mercado, realizar várias rodas de negociação de preços, verificar se os rendimentos dos insumos desvalorizam o preço etc.

Realiza pesquisas de mercado

Grande parte das tarefas de um engenheiro de compras envolve as pesquisas de mercado. Por isso, ele deve conhecer muito bem o setor no qual atua. Hoje em dia, há uma competição muito grande, e o profissional pode trazer inúmeros benefícios para as obras se tiver os contatos certos e muita curiosidade em procurar o melhor preço.

Negocia com fornecedores

Esse é o principal diferencial de ter um engenheiro de compras em um projeto. Por ele ter conhecimento de mercado e expertise técnica, é o melhor profissional para persuadir os fornecedores a oferecer melhores condições. Afinal, ele poderá falar sobre as perspectivas de longo prazo da parceria, sobre o equilíbrio do preço e da oferta-demanda etc.

Supervisiona os processos de compra

Entre tantas atividades executadas por ele, não podemos deixar de falar da supervisão dos processos de compra. Ele é o responsável pela monitorização das métricas e dos indicadores do setor. Em caso de mau desempenho e baixa produtividade, será ele o responsável por desenvolver medidas corretivas.

Qual é o perfil esperado pelo mercado?

Capacidade de negociação

Esse profissional deve ser persuasivo, com uma boa retórica. Ele será uma espécie de vendedor da sua empresa para os fornecedores, mostrando como a oferta de boas condições nas compras pode levar a um relacionamento duradouro. Desse modo, ele os convence a trocar a lucratividade de curto prazo pelo longo. Para isso, também é imprescindível que ele tenha um excelente conhecimento técnico, pois frequentemente precisará apresentar dados para o convencimento.

Proatividade na busca por parcerias

As melhores parcerias não vêm até você, elas são frutos de um processo de busca ativa. Para isso, você deve fazer uma ampla pesquisa do mercado e conversar com colegas do setor até encontrar o fornecedor certo. Depois disso, ainda há um longo processo de diálogo em que todas as partes negociam os melhores termos e chegam a um contrato excelente.

Inovação

A inovação vem da busca por novos canais de comunicação e da utilização de sistemas digitais automatizados para o monitoramento de toda a gestão de compras. Assim, o engenheiro desse departamento deve também ter conhecimentos e curiosidade em relação à tecnologia da informação.

Em praticamente todos os tópicos, você deve ter visto que uma das principais tarefas do engenheiro de compras é encontrar um bom fornecedor, negociar bons termos com ele e gerenciar essa relação. Isso é imprescindível para o negócio, pois os parceiros adequados trabalham junto à sua empresa no projeto, entendendo suas demandas específicas. A partir disso, ele apresenta os melhores produtos e oferece as melhores condições para que sua obra tenha sucesso.

Quer continuar recebendo as melhores dicas de gestão de obras nas suas redes sociais? Então, siga as nossas páginas no Twitter e no Facebook.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This