Regional Telhas

Entenda as particularidades do aço de baixo carbono

telha de aço baixo de carbono
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Um dos materiais de mais alta aplicação no mundo é o aço. Ele não se encontra de forma in natura no nosso ambiente natural, sendo necessária sua fabricação por meio da combinação de diferentes tipos de minérios. Em se tratando de aço baixo carbono, sua composição é de apenas ferro e carbono. A concentração deste último nunca deve ser superior a 0,30% do total.

Vamos mostrar, neste artigo, como é a fabricação desse tipo de material. Você verá como essa liga metálica é atingida e quais os percentuais que diferem as variadas modalidades de aço carbono. Você também conhecerá as suas características e aplicações. Por fim, saberá esse material é oferecido ao mercado pela Regional Telhas. Acompanhe até o final e aproveite a leitura!

Quais são os tipos de aço existentes?

O aço é um composto formado pela junção de diferentes elementos químicos. Dessa união, é originada uma liga metálica a qual denominamos aço. De acordo com sua composição, há diferentes tipos de ligas metálicas, sendo cada uma destinada a um tipo de aplicação. Basicamente, o aço contém, no mínimo, ferro e carbono. Ainda assim considerando a variedade de compostos químicos em uma liga metálica, ele pode apresentar-se, basicamente, de duas diferentes formas.

Aço liga

Este tipo de aço apresenta, em sua composição, vários elementos químicos além de ferro e carbono. A intenção é modificar suas propriedades químicas e, consequentemente, as mecânicas. Pode ser adicionada uma infinidade de outros elementos, tais como: cromo, manganês, tungstênio, vanádio, entre outros.

Aço carbono

Já o aço carbono é aquele formado pela união de apenas dois elementos: o ferro e o carbono. Todos os compostos produzidos por somente esses dois elementos químicos são chamados de aço carbono, e a proporção máxima deste último não pode ultrapassar 2,11%.

Há, ainda, outros elementos residuais na composição do aço carbono que são resultantes do processamento químico durante a formação da liga. No entanto, a proporção em que existem não é suficiente para causar alterações em sua estrutura. Podem ter, portanto, traços de fósforo, manganês ou silício.

Quais são os tipos de aço carbono?

Conforme já dito, a composição básica do aço é feita por ferro e carbono. O ferro utilizado no início da fabricação do aço é o ferro gusa. Ele é o produto conseguido por meio da redução do minério de ferro por calcário e coque (ou carvão), a altas temperaturas.

Posteriormente, suas características mecânicas serão alteradas conforme é adicionado o carbono. Ele é o principal elemento responsável pela dureza do produto final. Dessa forma, teremos três possíveis tipos de aço carbono, a depender da porcentagem existente deste último na liga metálica.

Alto carbono

Este tipo de aço possui as maiores concentrações de carbono. Seu percentual fica acima de 0,60% e vai até o limite de 2,11% (máxima concentração de carbono em ligas desse tipo). Por isso, apresenta a maior dureza e resistência mecânica dentre todos os tipos de aço carbono existentes. Assim, uma das consequências diretas dessa característica é a baixa ductibilidade, ou seja, que é a propriedade de um material ser flexionado até que se quebre.

Médio carbono

O médio carbono possui concentrações que vão de 0,30% até 0,60% de carbono. Apresenta, portanto, menor dureza e tenacidade em comparação ao alto carbono. Na verdade, é um dos tipos mais comuns entre as três modalidades de aço e tem uma ótima temperabilidade em água. Para que seu tratamento seja efetivo, é necessário que haja uma alta taxa de resfriamento.

Baixo carbono

Este tipo de aço carbono tem baixo custo de produção e é amplamente utilizado. Como seu índice de carbono é baixo (até 0,30%), ele possui uma menor dureza e resistência. Mas isso não é problema, pois o interesse em sua produção encontra-se na sua característica de ser um material de alta ductilidade. Além disso, ele é soldável e usinável. Portanto perceba que é justamente essas últimas características citadas que o tornam tão útil. Isso é devido ao fato de ser dispensável um tratamento térmico.

Quais são as aplicações do aço baixo carbono?

O aço carbono, de forma geral, é um dos produtos mais produzidos e consumidos no mundo inteiro. Devido à sua grande disponibilidade e facilidade de obtenção de matéria-prima e fabricação, a indústria o utiliza em larga escala. Desse modo, temos a aplicação desse tipo de material na indústria, como a automobilístrica, e no comércio, em equipamentos hospitalares e de ginástica e na fabricação de hidrantes.

Quando falamos em construção civil, a aplicação vai muito além dos vergalhões necessários às vigas de concreto. Quando o tipo de aço necessário precisa ser flexível, entra em cena o aço baixo carbono. Assim, suas aplicações são inúmeras, servindo de matéria-prima para obras arquitetônicas, estruturas metálicas diversas e coberturas.

Como a Regional Telhas utiliza o aço baixo carbono?

A Regional Telhas é uma empresa que trabalha há décadas com esse tipo de material. Primordialmente, sua atuação se resume a oferecer coberturas metálicas de diversas modalidades para os mais variados tipos de empreendimentos. Durante o processo de construção de uma cobertura metálica, é necessária técnica para fixação de todo o telhamento. Aliás, caso isso não seja feito, corre-se o risco de ter alguma avaria em caso de mau tempo, ou mesmo com o desgaste natural promovido por sol e chuva.

Ele é indicado para projetistas, engenheiros e arquitetos que utilizam o sistema de fixação oferecido pela Regional Telhas. Trata-se de fixadores autobrocantes fabricados em aço baixo carbono C1022. Como forma adicional de qualidade, ele ainda possui revestimento RUSPERT.

O aço baixo carbono possui uma larga aplicabilidade em nossa sociedade. Ele é uma das três formas que o aço carbono se encontra, e suas características de alta ductibilidade favorecem seu uso quando existe a necessidade de flexionamento da estrutura. Além disso, pode ser soldado e usinado. Na Regional Telhas, você também acha esse tipo de material. Eles estão dispostos por meio de fixadores, itens essenciais na construção de uma cobertura metálica de qualidade.

Ao final desta leitura, foi possível compreender o que é aço baixo carbono? Entre em contato e conheça os produtos que oferecemos, constituídos por esse incrível material!

EBOOK

Tipos de telha:

conheça os principais e saiba quando usá-los

Faça o download grátis no botão abaixo.