fbpx
Aço na construção civil: o que você precisa saber sobre isso

As tendências na construção têm se aprimorado com o objetivo de trazer mais segurança ao trabalho e, principalmente, mais eficiência, rapidez e qualidade nos serviços. O emprego do aço na construção civil é um exemplo de material que permitiu grandes avanços. Em conjunto com outros compostos, foi possível construir vãos maiores, prédios mais altos, vigas e pilares mais esbeltos e muito mais.

Se você deseja reduzir o custo e tempo de execução da sua obra, sem perder o valor, precisa considerar a utilização do aço na construção. Neste artigo, você vai entender tudo sobre esse conceito, assim como as vantagens que ele pode proporcionar. Ficou curioso? Continue a leitura e descubra!

O uso do aço na construção civil

O aço é utilizado na construção civil desde o século XVIII, mas só a partir da criação do concreto armado, no fim do século XIX, é que ele realmente entrou nesse setor com força total. Essa inserção foi o que permitiu o desenvolvimento de prédios mais altos e obras mais inovadoras. Além disso, deu flexibilidade aos projetos e é sinônimo de inovação e avanço na tecnologia desse setor.

Hoje em dia, existem diversos tipos de aço com propriedades muito específicas. Esse material também está disponível em diversas formas na indústria siderúrgica, como chapa, tubos, cabos, barras, perfis e telhas metálicas, considerados matéria-prima base na edificação de uma obra.

Também há a possibilidade de combinação do aço com outros tipos de materiais de construção, como no caso do concreto. Isso porque ele oferece diversas vantagens aos engenheiros e arquitetos no planejamento e execução dos seus projetos. Alguns desses benefícios são:

  • a possibilidade de reduzir os custos da obra;
  • contribuir para a preservação do meio ambiente;
  • melhorar o aproveitamento dos espaços;
  • dar mais liberdade para a criação dos projetos.

O aço como forma de reduzir custos da obra

Utilizar o aço na construção permite que você reduza os custos da sua obra sem perder em qualidade. Um dos motivos é o fato de ele ser um material pré-fabricado e com propriedades mecânicas, o que o torna mais resistente.

Essas características permitem que você utilize menos mão de obra para a montagem de estruturas de aço, quando comparado com a utilização de outros materiais, reduzindo o seu custo com pessoal.

O aço, por ser um material pré-fabricado e reciclável, também permite uma redução dos índices de desperdício, o que gera economia em relação aos outros tipos utilizados.

O tempo necessário para conclusão da obra diminui, uma vez que, com a utilização de estruturas de aço, há minimização de imprevistos, já que a obra é pré-moldada e chega no local pronta para ser montada. Dessa forma, esse item se torna um grande aliado da redução de custos, gerando economia de recursos e potencializando os lucros obtidos com a construção.

Vantagens do uso do aço na construção civil

Preservação do meio ambiente

A utilização do aço faz com que a sua obra seja menos agressiva ao meio ambiente. Isso porque ele é um material 100% reciclável, podendo ser reutilizado, por exemplo, em usinas para produção de novas ligas siderúrgicas. Também é possível reutilizar as telhas metálicas e, em alguns casos, a estrutura de perfis em outros projetos.

Melhor aproveitamento do espaço

O aço é um material 30% mais leve do que o concreto. Dessa forma, a sua utilização — seja sozinho ou combinado com outros compostos — permite uma redução da carga das fundações, já que o peso da estrutura é menor.

Com isso, ele permite uma otimização do espaço da sua obra, uma vez que a seção de pilares e vigas tende a ser menor que o equivalente em concreto armado. Essa característica faz com que o seu projeto ganhe uma maior área útil e se adéque aos padrões arquitetônicos atuais.

Maior liberdade para os projetos

A utilização do aço foi o que permitiu projetos inovadores — como é o caso da estrutura do Empire State Building. Nesse edifício, que era o maior dos EUA na época, foram utilizados 60 mil toneladas de aço, principalmente elementos semi-industrializados.

Além disso, a grande maioria dos projetos considerados como inovadores e futuristas só foram possíveis devido à utilização do aço, tanto na estrutura quanto no acabamento.

O que considerar na hora de incluir o aço na construção civil

Incluir o aço na sua obra exige um ótimo planejamento prévio para que você possa efetivamente aproveitar todos os benefícios que esse material pode trazer. Para isso, você deve levar em conta alguns aspectos. A seguir, listamos os principais. Acompanhe!

Comportamento estrutural

É preciso que você faça um diagnóstico dos esforços aos quais a sua estrutura estará submetida depois de terminada. Todas as edificações precisam suportar ventos, peso próprio e uma série de esforços internos e externos que devem ser considerados, principalmente conforme a quantidade de pavimentos da construção.

Portanto, é necessário uma análise cuidadosa sobre o comportamento da sua estrutura de aço e a análise da viabilidade da utilização desse material.

Aços mais utilizados

Os aços têm uma nomenclatura que os diferencia em questão de suas propriedades. Essa nomenclatura está no formato de duas letras indicando a sua utilização e o valor de sua tensão de escoamento. Os mais utilizados na construção civil são o Aço CA-50 e CA-60.

Depois de calcular os esforços da estrutura o engenheiro define os diâmetros do aço que serão utilizados nas armações, qual a quantidade a ser utilizada em cada viga, pilar ou fundação e outras particularidades do projeto.

Grau de agressividade

A sua construção precisa resistir às influências ambientais ao longo prazo. Porém, cada tipo de ambiente tem determinado grau de agressividade. Um exemplo bem conhecido é a maresia em áreas de litoral, que facilmente destrói o aço se ele não tiver um bom acabamento.

Por isso, existem vários tipos de aço e revestimentos resistentes à oxidação, como os do tipo inox, de carbono, com revestimento metálico e não metálico que protegem o composto dos óxidos e das intempéries causadas pela natureza.

Baixa manutenção

O aço é um material altamente resistente com uma durabilidade alta. Quando utilizado corretamente com todos os cuidados recomendados pelo fabricante, pode se tornar um metal com vida útil, ainda mais longa e com baixa manutenção.

Em alguns casos, ele necessita apenas de uma simples limpeza ou mesmo uma manutenção nos acessórios utilizados na estrutura, como fixadores, cumeeiras e rufos, por exemplo.

Facilidade no transporte e manuseio

Como o aço é um material resistente é possível transportá-lo sem prejudicar a sua qualidade. A maioria das peças metálicas são feitas fora do canteiro de obras, então é comum que elas sejam transportadas e o material se mostra um material versátil neste sentido.

Aços mais utilizados na construção civil

De acordo com os metais utilizados para criar a liga metálica, os aços desenvolvem diferentes características. Abaixo vamos descrever brevemente quais são os tipos mais utilizados e seus principais exemplos de aplicabilidade. Confira!

Aço galvanizado

O aço galvanizado passa por um banho de zinco fundido, processo conhecido como galvanização e que dá ao metal proteção contra a corrosão. Por esse motivo, ele é utilizado em tubulações, vigas de apoio, telhas, cumeeiras e outras áreas da construção civil que exigem uma proteção extra.

Aço inox

O aço inox é muito conhecido já que é utilizado em diversos utensílios domésticos. Ele é produzido a partir da mistura de Cromo e Níquel e por isso tem a propriedade de ser inoxidável.

Na construção civil ele pode ser bem utilizado já que tem proteção contra a corrosão atmosférica mas também a diversos abrasivos químicos sem perder o brilho e sua eficiência.

Aço galvalume

O aço galvalume é uma liga metálica composta por alumínio, silício e zinco. Esse metal tem excelentes propriedades anticorrosivas e vida útil maior que o aço galvanizado. Na construção civil ele é utilizado em telhas metálicas, mas também pode ser usado em ambientes industriais.

O mercado brasileiro do aço

O Centro Brasileiro da Construção em Aço faz pesquisas a cada ano para analisar o panorama do mercado brasileiro diante da utilização do aço em diversas áreas de aplicação. De maneira geral, o setor sofreu bastante com a crise na construção apresentando várias quedas de produção desde o ano de 2015.

Entretanto, de maneira geral, o mercado tem grande potencial de crescimento, sendo que as áreas de fabricantes de telhas de aço e de perfis galvanizados são as que apresentam maior otimismo de crescimento nos próximos anos.

Isso porque os consumidores buscam qualidade no produto. O investimento inicial também é um fator determinante nos momentos de crise, mas diante do padrão dos materiais em aço, é possível mudar a visão e adquirir os produtos mais eficientes.

Compreendeu que a utilização do aço na construção civil tem potencial de gerar diversos benefícios para a sua obra? Ele é capaz de reduzir custos, ser menos agressivo com o meio ambiente e otimizar o espaço da construção, podendo ser entregue na obra módulos pré-fabricados, agilizando e facilitando a montagem.

Além disso, o aço na construção civil pode oferecer inovação e agregar valor ao seu projeto. Considere aumentar a utilização desse metal nas suas obras observando todas as especificidades desse material e aproveite todas as vantagens que esse composto tão versátil pode oferecer!

Se você quer ter acesso a outros conteúdos como este, assine a nossa newsletter e receba nossos textos diretamente no seu e-mail!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This