Regional Telhas

Por que as telhas metálicas não podem tomar chuva antes de instaladas?

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Telhas metálicas possuem diversas vantagens frente a telhados de alvenaria. A proteção contra intempéries é um desses benefícios, pois como sua estrutura tem aço na base, a durabilidade é muito maior. No entanto, para que isso ocorra, é necessário preservar as telhas do contato com a umidade antes da instalação.

Neste artigo, apresentaremos diversas informações a respeito das telhas metálicas: seus diferentes tipos e características, como e porque protegê-las da umidade antes da informação.

Confira!

O que são telhas metálicas?

As telhas metálicas são um tipo especial de composição que podem ser empregadas nos mais variados tipos de obras. Elas podem ser usadas, inclusive, para fechamento lateral. São fabricadas a partir de chapas metálicas e normalmente compostas por aço carbono, inox ou alumínio.

Usar esse tipo de cobertura garante diversos benefícios que vão muito além de uma arquitetura mais limpa e bonita. O processo de instalação é mais rápido e necessita de menos mão de obra. Sua manutenção também é diferenciada, permitindo uma maior durabilidade.

Quais são as características das telhas metálicas?

A composição de uma telha metálica normalmente é dada na forma de aço carbono. Além disso, ela conta com um revestimento que pode ser de zinco, alumínio, magnésio ou uma combinação desses elementos. Existem ainda telhas fabricadas em aço inox e alumínio, além das metálicas pintadas.

Em relação às suas medidas, esse tipo de telha tem espessura que normalmente varia entre 0,43 mm e 0,65 mm. Para realizar sua fabricação, é usada a técnica de perfilação de chapa metálica. Logo em seguida, ocorre o corte longitudinal da telha, em medidas personalizadas ou no comprimento de até 12 metros.

Quais os diferentes tipos de telhas metálicas?

Existem diversos tipos de telhas metálicas disponíveis no mercado e a utilização de cada uma varia conforme a necessidade. As telhas termoacústicas, por exemplo, são indicadas quando existe a necessidade de proporcionar conforto térmico e proteção acústica ao ambiente.

Além desse modelo, também é possível encontrar telhas metálicas do tipo ondulada e trapezoidal. Esta última pode ser fabricada nas variantes convencional e autoportante. Por fim, também existem as telhas metálicas zipadas e do tipo roll-on. Cada uma tem finalidades específicas.

Como as telhas metálicas se comportam em relação a ventanias?

O vento é uma intempérie que pode causar sérios prejuízos a uma edificação. Para que isso não ocorra, o projeto precisa ser bem dimensionado e a execução precisa acontecer conforme os parâmetros descritos. Todos os componentes devem estar em conformidade com as especificações.

Nesse sentido, as telhas metálicas devem obedecer a tais padrões, pois elas oferecem resistência à ação mecânica do vento. A espessura da chapa dependerá da resistência necessária, sendo que a carga mínima suportada deve ser de pelo menos 60 kgf/m2.

Como as telhas metálicas resistem ao granizo?

Existem regiões que sofrem com o fenômeno das chuvas de granizo. Nesses casos, os estragos podem ser muito grandes caso a cobertura em questão seja de alvenaria. As telhas metálicas são capazes de prover proteção ao passar pelo processo de galvanização, que confere maior resistência contra riscos e impactos.

Sua composição em aço permite ter flexibilidade e resistência ao mesmo tempo. Isso é importante em caso de impactos, como ocorre nas chuvas de granizo. Dessa forma, é possível proteger uma cobertura contra mais essa intempérie da natureza.

De que forma as telhas metálicas lidam com vazamentos e infiltrações?

As telhas metálicas são muito úteis para evitar vazamentos e infiltrações porque mesmo com uma baixa inclinação elas conseguem prover um bom escoamento da água acumulada pela chuva. Além disso, elas possuem uma geometria que permite um encaixe ideal entre as peças que compõem um telhado.

Essa propriedade faz com que toda a cobertura tenha uma uniformidade ímpar, realizando uma excelente vedação. Para isso, devem ser considerados todos os aspectos relacionados à fixação dos componentes do telhado, como tipo correto de fixador, inclinação indicada para o modelo de telha, dimensão do transpasse, fitas de vedação, tendo uma correta especificação de projeto para escolher o modelo de telha mais apropriado.

Por que as telhas não podem tomar chuva antes de serem instaladas?

Apesar de projetadas para proteger uma edificação contra chuvas, as telhas metálicas não podem receber nenhum tipo de umidade antes de serem instaladas. Isso quer dizer que o seu armazenamento deve ser livre de qualquer fonte de água que possa contaminar o material.

A razão disso se dá por conta de alterações que são provocadas na estrutura do revestimento da telha quando há esse contato com a umidade. As características de proteção são alteradas quando isso ocorre, prejudicando sua vida útil. O principal efeito decorrido do contato com a umidade é a oxidação.

Caso seja constatado que surgiram manchas nas telhas durante o processo de armazenamento, elas precisarão passar por um processo de tratamento antes de serem instaladas.

Normalmente, a identificação se dá pelo aparecimento de manchas claras em estágios iniciais e escuras nos avançados. Portanto, a melhor recomendação é prevenir e evitar qualquer exposição à umidade.

Por que é importante optar sempre por telhas de boa qualidade?

Normalmente, a construção de uma edificação requer um alto investimento. Uma obra para edificar um galpão geralmente não custa pouco. Dessa forma, não faz sentido investir em estrutura sem considerar a cobertura da construção.Assim, optar por telhas de boa qualidade contribui para uma maior durabilidade dos aspectos técnicos iniciais do projeto. Telhamentos com boas estruturas metálicas requerem menos manutenção, por conta de suas propriedades físicas. Isso garante melhores resultados em relação à construção da obra.

Utilizar telhas metálicas na construção de uma edificação é uma ótima alternativa para compor a estrutura de cobertura. Trata-se de um material de excelente qualidade que pode proporcionar conforto térmico e acústico.

Além disso, sua flexibilidade e resistência contribuem para a melhor proteção contra intempéries, ao passo que não utilizá-las pode colocar em risco a estrutura do telhado pois são menos suscetíveis aos estragos causados por ventanias e chuvas de granizo, em comparação com telhas de alvenaria.

Gostou do conteúdo? Então aproveite e leia também o artigo sobre quais são as vantagens de usar estrutura metálica para casas!

EBOOK

Tipos de telha:

conheça os principais e saiba quando usá-los

Faça o download grátis no botão abaixo.